• Home  /
  • Revista   /
  • Fábrica da GM em Gravataí completa 15 anos
Fábrica da GM em Gravataí completa 15 anos fabrica_gml_800x459 Full view

Fábrica da GM em Gravataí completa 15 anos

Ocomplexo industrial da GM em Gravataí (RS) completa nesta segunda-feira, dia 20 de julho, 15 anos de atividades. Além de ter sido a primeira unidade da empresa no Brasil fora do Estado de São Paulo, inaugurou o conceito de condomínio industrial, reunindo ao seu redor os principais fornecedores –até então algo inédito no segmento automotivo mundial.

Atualmente esse condomínio conta com 9.000 trabalhadores e 19 empresas fornecedoras que entregam partes prontas e componentes para o processo produtivo dos automóveis. Cada um desses “sistemistas” estão estrategicamente posicionados para otimizar o processo de montagem. A capacidade produtiva é a maior da empresa no hemisfério Sul, podendo ultrapassar a média de um carro por minuto.

Para poder chegar a este patamar, o complexo industrial de Gravataí passou por duas grandes ampliações, uma em 2006, possibilitando uma produção de 230 mil unidades/ano, e outra em 2012, aumentando a capacidade de produção para 350 mil unidades/ano. Do ano 2000 até então, já foram produzidos mais de 2,8 milhões de unidades desses três modelos Chevrolet, todos verdadeiros best sellers em seus respectivos segmentos e veículos que trouxeram e ainda trazem inovações tecnológicas e conceituais importantes.

“O complexo industrial de Gravataí integra uma nova geração de fábricas da GM e continua sendo uma das mais modernas e produtivas do mundo”, lembra Camilo Ballesty, diretor-geral da unidade localizada no Estado do Rio Grande do Sul. Ele faz questão de ressaltar outra relevante conquista de Gravataí: o alto índice de qualidade dos produtos ali montados, resultado também de pesados investimentos nestes 15 anos. Somente no Projeto Onix, foram investidos cerca de R$ 2 bilhões.

De acordo com Marcos Munhoz, vice-presidente da GM do Brasil, “o Brasil continua sendo um dos maiores mercados mundiais para a companhia, e a unidade gaúcha será decisiva neste atual processo de renovação e crescimento da marca no país”.

Unidade fabril da GM no Rio Grande do Sul ajudou a transformar a economia da região, o PIB de Gravataí que era de R$ 50 milhões, passou para mais de R$ 650 milhões

Fonte : Jornal do Commercio

 

Written by Ricardo

Related Articles

Deixe seu comentário