Farol alto x Farol baixo farois_800x459_img Full view

Farol alto x Farol baixo

Você sabe como usar corretamente os faróis do seu caminhão? Confira algumas dicas que separamos para você amigo cegonheiro.

À noite, nas ruas e estradas, os motoristas precisam redobrar a atenção. Isso porque, além dos desafios de guiar um caminhão por milhares de quilômetros, é preciso ficar atento à iluminação das rodovias e, ainda, ao encontro dos faróis com outros veículos.

Por essa razão, é fundamental que todos os motoristas contribuam para a segurança nas pistas e um dos itens de grande importância é o controle dos raios dos faróis. O objetivo é não ofuscar a visão de quem segue no sentido contrário ou quem está à frente. As alternâncias entre luz baixa e luz alta podem até provocar acidentes.

A Polícia Rodoviária Federal passou para a revista Brasil Cegonheiro uma série de dicas pra você, cegonheiro, saber usar corretamente os faróis do veículo. Confira:
• Mesmo durante o dia, utilize o farol baixo para melhorar a sinalização;
•Mantenha os faróis do caminhão sempre regulados;
• Conserve o para-brisa, as lâmpadas e os faróis limpos;
• Em estradas desconhecidas, use o farol alto, mas tome o cuidado de trocar para o farol baixo quando estiver atrás de outros veículos ou quando estiver cruzando com outro na pista contrária.
•Siga a sinalização horizontal da pista;
•Para evitar o ofuscamento do retrovisor interno, mude-o para a posição escura;
•Se você cruzar com um veículo com farol alto, no sentido oposto, evite o olhar frontal. Oriente-se pela margem direita da rodovia.

Lembre-se de que o item mais importante é a responsabilidade e o bom senso de cada motorista. Se cada um fizer a sua parte, vamos trafegar nas rodovias de uma forma mais segura. Respeite as leis de trânsito e preserve a vida!

É importante destacar que as dicas apresentadas servem, tanto para os caminhões, como para os veículos de passeio. Checar os faróis antes de ‘pegar’ a estrada, assim como outros itens essenciais para a segurança dos passageiros, deve ser dever de todos.

Fonte: Polícia Rodoviária Federal

Written by Ricardo

Deixe seu comentário